Jovens pilotos garantem show na etapa de motocross de Pimenta Bueno

A prova teve como destaque os jovens pilotos Jhoan Pierre e Guilherme Maschio

Num fim de semana de clima chuvoso e ameno, contrastando com o dos últimos meses, a pista do Valdinei, em Pimenta Bueno, foi palco da realização da 2ª etapa do Campeonato de Motocross 2019, organizado pela Associação dos Motociclistas de Rondônia – AMR.

A prova teve como destaque a participação dos jovens pilotos Jhoan Pierre # 119, Porto Velho e Guilherme Maschio # 816, de Pimenta Bueno, respectivos vencedores nas duas baterias da categoria Importada MX2, proporcionando fortes disputas e um show de pilotagem que levantou o público presente.

Numa pista medindo pouco mais de 1.100 metros, de curvas acentuadas e algumas retas, tonando a prova mais competitiva, após uma inesperada chuva que caiu nas primeiras horas de domingo (22), o traçado teve de passar por alguns ajustes antes dos treinos que acontecem somente momentos antes da largada da primeira bateria da tarde. Com a pista pesada, a organização inverteu a ordem das atividades, mandando a pista as máquinas de maior cilindrada.

Aos poucos o traçado foi ficando mais favorável, proporcionando excelentes pegas a cada bateria disputada. Entre os pequenos da categoria MX Mirim, o líder Willian Santos # 406, de Cacoal, largou na ponta e vinha liderando até errar no salto e cair, perdendo alguns minutos durante o atendimento dos socorristas.

Gabriel Laia # 94, que vinha na cola, assumiu a ponta e se manteve a frente até cruzar a linha de chegada. Laia venceu a prova, com Willian em segundo, Ruan Duarte # 22 na terceira posição e Gambiarra # 190, na quarta posição.

Correndo junto com a categoria Força Livre, os pilotos da Nacional MX3 tiveram uma disputa também bastante acirrada, com o rolimourense Vanderlei Junior # 6 vencendo nas duas baterias, com Talles Rodrigues # 63, de Ariquemes e Itamar Tadeu # 77, de Cacoal, se revezando na segunda e terceira posição.

Ligerin # 93, de Espigão, que havia ficado na quarta posição na primeira bateria, não completou a segunda e perdeu posição para Donizete de Victo # 121 de Jaru e Ozias Vieira # 711, de Rolim de Moura, quarto e quinto colocados na prova.

Também correndo em baterias conjuntas das categorias MX2 e MX3, os pilotos veteranos das Importadas, mostraram boa performance, conseguindo imprimir um bom ritmo, numa disputa forte, que teve como campeão da MX3 o piloto Itamar Tadeu #77, de Cacoal, vencedor das duas baterias.

Também andando forte e garantindo um duplo segundo lugar, Márcio Brígido # 46, de Cacoal ficou a frente de Badeco # 71 e de Marcione # 21, ambos de Ji-Paraná, terceiro e quarto colocados respectivamente. O pódio foi completado por Thiago Capuche # 17, de Ji-Paraná.

Com duas baterias intercaladas, a disputa da categoria Força Livre Nacional teve na primeira bateria uma disputa forte entre os garotos Guilherme Maschio # 816, de Pimenta Bueno e Jhoan Pierre # 119, de Porto Velho, que largaram na ponta, se revezando nas primeiras posições, até Pierre ter problema e Guilherme chegar com folga para a vitória.

Na segunda bateria, os dois jovens pilotos voltaram a largar na frente, mas desta vez foi Guilherme Maschio quem abandonou a prova. Pierre vinha bem, mas também teve problemas com sua moto.

Willian Boni # 200, de Cacoal e Diego Ferrari # 961, de Espigão do Oeste, que vinham na cola, acabaram chegando na frente. Willian Boni venceu a prova, com Ferrari em segundo, Talles Rodrigues # 63, de Ariquemes em terceiro e Itamar Tadeu # 77, de Cacoal, na quarta posição.

Na disputa da categoria MX2 Importadas, as emoções mais uma vez se voltaram para os pegas dos pequenos Jhoan Pierre e Guilherme Maschio, que tiveram ainda na disputa o aguerrido Victor Carlos #4 de Cacoal.

Na primeira bateria, ainda nas primeiras voltas, quando brigava pela ponta, Guilherme Guilherme teve de abandonar a prova, deixando a disputa solta entre Pierre e Vitin.

Os dois primeiros colocados da bateria inicial, com Itamar Tadeu # 77 na terceira posição. Para segunda bateria, Guilherme Maschio que veio com toda gana, fazendo uma corrida fantástica, deixando para trás seus concorrentes e cruzando a chegada com folga.

Pierre chegou em segundo e Vitin, com problemas na moto, perdeu várias posições. Na soma geral, Jhoan Pirre venceu a prova, com Itamar Tadeu em segundo, Marcelo Perondi # 22, de Vilhena, em terceiro, Victor Carlos em quarto e Repizo # 5, de Cacoal, completando o pódio.

Para o presidente da AMR, Itamar Dalosto, os agradecimentos pelo sucesso do evento se deve aos pilotos participantes, a equipe de profissionais capacitados da AMR pelo brilhante serviço prestado fazendo o evento acontecer, assim como o apoio do prefeito Dr. Arismar, que disponibilizou de toda estrutura do município.

Dalosto agradece ainda a Câmara de vereadores de Pimenta Bueno e aos apoiadores Lind’Agua, Mega Bom Sorvete, Pica Pau Yamaha, TV Allamada, Churrascaria Itaporanga, Repiso, Supermercado Cristal, Massa FM 87.9 FM, Norte Tel e Estonforte Engenharia.

Fonte: No Lance Net

Comentarios