Cirone Deiró e governador Marcos Rocha anunciam envio de força tarefa para Cacoal

Cirone Deiró anunciou as primeiras medidas que serão adotadas pela equipe da Sesau para apoiar os médicos e profissionais de saúde do Complexo

Chegou a Cacoal nessa sexta-feira,24, uma equipe de profissionais de saúde para reforçar o atendimento aos pacientes da Covid.

A outra medida adotada será a contratação emergencial de médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e outros profissionais, além de doze novos leitos de UTI sem hospitais particulares do município.

O deputado Cirone Deiró anunciou as primeiras medidas que serão adotadas pela equipe da Secretaria de Estado da Saúde-Sesau para apoiar os médicos e profissionais de saúde do Complexo Hospitalar de Cacoal, no enfrentamento a Covid.

Desde a última segunda-feira, 23 de julho, o parlamentar permaneceu em Porto Velho, em busca de soluções para enfrentar os problemas provocados pelo colapso na assistência médica daquele Complexo Hospitalar.

Que atende a região da Macro II, responsável assistência médica de mais de cerca de 850 mil pessoas. E que nos últimos dias já não tinham mais leitos para atender a população.

 “Essas reivindicações serviram de base para os encaminhamentos que fizemos essa semana, junto a equipe governador Marcos Rocha”, justificou.

Já durante a audiência com o governador Marcos Rocha, o deputado Cirone Deiró reforçou os encaminhamentos que havia realizado com a equipe técnica, e voltou a reafirmar que os profissionais de saúde do Complexo Hospitalar de Cacoal chegaram ao limite da capacidade de atendimento.

“Mesmo sendo uma audiência que ocorreu no final da noite, depois de uma intensa agenda de trabalho do governador Marcos Rocha, ele se mostrou sensível e comprometido com uma solução.

Que venha resolver os problemas que os médicos e demais profissionais de saúde do Complexo Hospitalar de Cacoal estão enfrentando e se comprometeu com uma solução para as reivindicações apresentadas”, registrou.

Entre as medidas anunciadas pelo governador Marcos Rocha, o deputado Cirone Deiró confirmou envio pela Secretaria de Estado da Saúde de uma equipe de profissionais para reforçar os plantões médicos daquela unidade hospitalar, já a partir dessa sexta-feira, 24 de julho.

De acordo com o parlamentar, a força tarefa com profissionais de saúde de Porto Velho, será mantida no município até que a situação do atendimento médico seja normalizada no Complexo Hospitalar de Cacoal.

“Esses profissionais serão substituídos a cada final de plantão por uma nova equipe que será enviada de Porto Velho”, explicou.

A outra medida autorizada pelo governador Marcos Rocha, inclui a contratação de médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos, administrativos e pessoal de limpeza, e também 12 novos leitos de UTIs para desafogar a demanda do Complexo Hospitalar de Cacoal.

Segundo o deputado Cirone Deiró, os técnicos da Secretaria de Estado da Saúde estão empenhados em liberar dentro da maior brevidade possível um convênio com a Prefeitura de Cacoal para agilizar essa contratação dos profissionais de saúde e dos novos leitos de UTIs.

Na avaliação do deputado, vencida essa fase da burocracia que deve ocorrer já na próxima semana, a prefeita Glaucione Rodrigues já dará os encaminhamentos para a contratação dos profissionais e dos leitos de UTIs.

“A contratação dos profissionais de saúde, juntamente com os novos leitos terão uma contrapartida financeira da prefeitura de Cacoal”, explicou o parlamentar, ao destacar o compromisso do governador Marcos Rocha e da prefeita Glaucione Rodrigues no enfrentamento da crise no Complexo Hospitalar de Cacoal.

Por Edna Okabayashi/Assessoria

Comentarios